Um edifício circular envolto em madeira

The Exchange, uma ‘colmeia’ em espiral e cheia de luz.

Projetada pela empresa japonesa de arquitetura de renome mundial Kengo Kuma & Associates, assume-se o primeiro projeto do estúdio japonês na Austrália, com uma posição privilegiada na Darling Square, em Sidney.

Com seis andares e envolto em 20 kms de madeira, o edifício salta à vista do comum dos mortais, desde logo por causa do seu inovador e elegante design. Trata-se de um centro cívico para atender às necessidades da cidade, oferecendo conveniência ao conectar Sydney a uma rica variedade de serviços e comodidades na Darling Square.

O edifício The Exchange é composto por uma moderna Biblioteca – com uma área dedicada às crianças, Wi-Fi gratuito, computadores públicos, espaços de estudo, salas de reuniões reserváveis, um amplo espaço livre e um Laboratório de Ideias ( espaço de 200 metros quadrados dedicado à criatividade e inovação com impressoras 3D, estações de solda e um cortador a laser, que podem ser usados por startups e pelo público em geral); uma zona de restauração chamada Maker’s Dozen com 12 dos melhores sabores da cidade – desde os doces aos salgados; e um famoso e conceituado restaurante de culinária cantonesa – o XOPP.

Há também uma instalação de puericultura, que abrange dois andares, e um rooftop com uma vista deslumbrante sobre Sydney.

Alimentando a cultura de start-up de Sydney, o The Exchange incluirá um IQ-Hub e Makerspace, pensados no sentido de disponibilizar espaços flexíveis para eventos, seminários, reuniões e workshops.

Fonte: Idealista

Copyright PORTILAME 2021. Todos os direitos reservados.