O edifício mais alto de madeira em Denver, nos EUA, será construído em 2023

O escritório de arquitetura Tres Birds, sediado em Denver, anunciou que o edifício de madeira mais alto da cidade, está previsto entrar em construção em julho de 2023.

Intitulado de Return to Form, o edifício contará com 12 andares e a sua estrutura utilizará madeira maciça, com uma nova tecnologia que recorre a árvores de pequeno diâmetro provenientes de florestas geridas de forma sustentável. Através da plantação contínua e da colheita responsável, estas florestas estão a tornar-se fonte de materiais de construção renováveis e de baixo impacto ambiental. A estrutura de madeira maciça é composta por painéis de madeira que são colados e laminados em conjunto, o que proporciona força, estabilidade e resistência ao fogo.

O recente desenvolvimento da construção em massa de madeira permite-nos – pela primeira vez na história – conceber estruturas de construção de arranha-céus a partir de um recurso renovável: árvores. Este novo material de construção resistente ao fogo é renovável, sendo por isso saudável para o planeta. As árvores utilizam carbono para fazer oxigénio e a vegetação arrefece a terra. O betão – e os combustíveis fósseis utilizados para o fazer e transportar – criam mais carbono que contribui para o aquecimento global. Precisamos de construir todos os nossos edifícios a partir de recursos renováveis e gerir bem esses recursos.

Michael Moore, fundador e Director de Design de Tres Birds

O projeto foi o vencedor do concurso Mass Timber Competition: Building to Net-Zero, em 2022. O edifício é desenhado com madeira exposta para as paredes, tetos e grandes janelas de correr. Para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa, apenas uma pequena parte do edifício é feita com betão: fundações, escadas e núcleo do elevador.

O crescente interesse na construção em massa de madeira como alternativa sustentável ao betão está a encorajar a utilização deste material. A metodologia encontra-se sob investigação pela sua modularidade e a sua capacidade de ser reutilizada após o fim da vida útil dos edifícios, um conceito chamado Design para Desconstrução ou Design para Desmontagem.

Fonte: Archdaily

Últimas notícias

PORTILAME S.A.
Zona Industrial de Neiva, 2ª Fase
4935-232 Neiva
Viana do Castelo 

*Chamada para a rede fixa nacional

*Chamada para a rede fixa nacional

Copyright PORTILAME – 2024 .Todos os direitos reservados.

Wood is what we breathe

PORTILAME S.A.
Zona Industrial de Neiva, 2ª Fase
4935-232 Neiva
Viana do Castelo

*Chamada para a rede fixa nacional

*Chamada para a rede fixa nacional